• Carlota Leitão

Será Gaguez? Dia internacional de sensibilização para a Gaguez.

Atualizado: Fev 7


Será Gaguez? Será que esperar é o que faz sentido? Será que não fala porque é tímido? Chegou a hora de dar um passo novo? Chegou a hora de consultar um profissional? Todas estas perguntas (e muitas mais) são válidas quando se trata de falar de comunicação e de dificuldade em comunicar.

A Gaguez é uma perturbação da comunicação que pode surgir desde os 2 anos, e que ao longo do crescimento vai tendo cada vez mais implicações em diferentes dimensões. Existem muitos estudos a decorrer atualmente sobre a forma de minimizar o impacto da mesma e uma das maiores conclusões é que a intervenção através de um especialista faz toda a diferença.

Se apresenta algum dos seguintes comportamentos, recomendamos uma avaliação:

  • Quando fala repete muitas vezes ou fica “preso” em alguns sons a ponto de isso o deixar preocupado ou sentir desconforto.

  • A boca e/ou o seu corpo estão tensos enquanto fala.

  • Está a falar menos em determinadas situações, escola e/ou trabalho.

  • Evita dizer certas palavras (substituí por outras) e conversar com certas pessoas.

  • O seu filho age frustrado enquanto fala.

  • Percebe que o seu filho está a tentar falar, mas não sai nenhum som.

E o que acontece numa avaliação? Durante a avaliação temos em conta:

  • A presença de fatores de risco que possam sugerir ser um quadro de Gaguez.

  • Vários aspetos do discurso - incluindo características de fluência, articulação, voz e comunicação.

  • Impacto da condição no bem-estar

É realizado um diagnóstico e são discutidos os objetivos e plano de intervenção.

A Gaguez pode ser uma grande limitação social e é por isso que é tão importante procurar uma terapia personalizada e eficaz. Existem várias metodologias de intervenção que podem contribuir positivamente na comunicação. A nossa experiência confirma-nos que o tratamento pode ajudar a que:

  • Fale mais fluentemente.

  • Seja um comunicador mais confiante.

  • Evite que pensamentos e emoções negativos se instalem.

Nunca é tarde para procurar um profissional especializado na área. A Terapia pode fazer toda a diferença na vida de quem gagueja!

Carlota Leitão

Terapeuta da Fala

#TerapeutadaFalaCarlotaLeitão #TerapiadaFala #Gaguez #IntervençãoPrecoce